Missão Paz em Guarulhos

Missão Paz em Guarulhos

A prefeitura de Guarulhos realizou o “Lançamento de Grupo de Trabalho Intersetorial para Implantação do Comité Municipal de Políticas para Migrantes, Refugiados e Apátridas”, etapa importante rumo a constituição de um Comité Municipal que atue com esta população. O evento aconteceu no dia 26 de outubro de 2021 no Centro Municipal de Educação Adamastor.

Na parte da manhã a mesa foi composta por representantes do ACNUR, OIM, Coordenação de Migração e Refúgio da DPU em São Paulo e Coordenação de Políticas para Imigrantes e Promoção do Trabalho Decente de São Paulo.

Na parte da tarde a segunda mesa contou com a participação de organizações da sociedade civil, entre as quais a Missão Paz. Pe. Paolo Parise expôs a atuação da instituição e, em seguida, destacou alguns pontos relacionados com o tema do dia. Segundo os dados do Sismigra de março de 2020, no município de Guarulhos estão residindo 9.713 imigrantes em situação regular. Os grupos mais numerosos são originários de Bolívia, Haiti, Paraguai, Colômbia e Venezuela. A cidade, porém, tem uma tipologia bem específica no que se refere à migração. Além dos migrantes que moram no território, de maneira regular ou não, é a principal porta de entrada via aérea por causa do aeroporto internacional. Por outro lado, tem migrantes que se deslocam para o município somente para o trabalho, residindo em outros lugares.

Outro ponto abordado foi a participação da Missão Paz junto à Caritas Arquidiocesana de São Paulo no Grupo de Trabalho instituído no âmbito do Termo de Cooperação Técnico Institucional para Proteção e Promoção de Soluções Humanitárias e Solidárias em Situações de Migrantes Inadmitidos no Aeroporto Internacional de Guarulhos.