Abertura do Ano Scalabriniano na Missão Paz

Abertura do Ano Scalabriniano na Missão Paz

Realizou-se no domingo, dia 7 de setembro de 2021, na Igreja N. Sra. da Paz, São Paulo – SP, a celebração eucarística que deu início ao Ano Scalabriniano, presidida pelo pároco Pe. Antenor D. Vecchia. A comemoração, que no Brasil coincidiu com a Solenidade de todos os santos, contou com a presença de vários representantes dos três Institutos da Família Scalabriniana: padres, irmãs e missionárias seculares. A iniciativa do Ano scalabriniano foi proposta pelas três direções gerais, na passagem dos 25 anos da beatificação do Fundador J. B. Scalabrini – Jubileu de prata. O encontro festivo encerrou-se com um almoço de confraternização.

A celebração eucarística, em que também participam representantes do Movimento Leigo Scalabriniano, foi marcada por três depoimentos, um de cada Instituto da Família. Rosemeire Casagrande começou destacando a atuação das missionárias seculares, bem como a importância de celebrar o 25º aniversário da beatificação do Fundador; Ir. Lélis, superiora provincial, recordou alguns episódios do início da obra scalabriniana, ligados de forma particular ao Beato Scalabrini, a Madre Assunta e a Pe. José Marchetti; Pe. Alfredo J. Gonçalves, valeu-se da expressão de “Bem-aventurado”, extraída do evangelho do dia, para traçar um paralelo com o Bem-aventurado Scalabrini, apontando para o desafio de dar continuidade ao seu carisma nos dias atuais.

A comunidade da Paróquia N. Sra. da Paz, juntamente com os colaboradores, benfeitores, voluntários, agentes, assessores, padres e religiosos seminaristas da Missão Paz, agradecem a todos os participantes, os quais, seja presencial quanto virtualmente, enriqueceram o evento. Permanece o compromisso de seguir rezando pela canonização do Fundador, compromisso que se concretiza no serviço sociopastoral aos migrantes, especialmente “ai più bisognosi”.